O QUE VI NA EXPO REVESTIR 2018

19/03/2018

A Expo Revestir é a maior feira de acabamentos da América Latina. Ela ocorre em São Paulo e este ano aconteceu dos dias 13 a 16 de março. 

Esta foi a terceira vez que visitei a feira. Diferente do ano passado, este ano tinha muitos lançamentos interessantes.  

É muito cansativo. A feira é muito cheia. O tempo é curto para visitar tudo. Mas, vale muito a pena ir. É uma excelente oportunidade de entrar em contato com as grandes marcas e saber mais detalhes dos produtos a ser especificado. 

O que eu mais gostei? veja agora algumas coisa que destaquei na minha visita. 

1. Observei que as louças estavam mais arredondadas e foscas. As principais marcas que visitei foi a Deca, Roca, sabbia e a Laufen. 

  • Deca.

A Deca, como sempre, arrasou. As louças e metais assinadas por Jader Almeida são lindíssimas e chamavam bastante atenção. Gente, ele criou um porta papel higiênico com um porta celular. De olho na galera que não larga o aparelho por nada.

Outra novidade foram as cubas foscas e coloridas, nas cores verde folha, white vanilla, azul e millenial pink. Nessas cores só foram lançadas as cubas. A ideia é que você misture a cuba de uma cor e a bacia sanitária de outra, tirando a ideia de que tem que ser tudo combinadinho. Ameiiii a cuba rosa. Era linda demais.

Ainda na Deca, os acessórios para banheiro PNE era lindíssimos. Não é porque ele tem que ser adaptado que tem que ser feio. E o material que esses acessórios foram fabricados é maravilhoso. Quando você pega, não dar uma sensação que é frio, e sim, que é emborrachado.

Por fim, ainda destacaria na Deca a torneira 3D , os acabamentos direcionados para banheiros infantis e o sistema de economia de água.

  • Roca

Dois itens me chamaram bastante atenção na Roca. A linha de louças e metais by Armani e a cuba assinada por Ruy Ohtake. Inclusive, no dia que visitei o estande da Roca, o Ruy estava lá. Tive oportunidade de vê-lo de pertinho. 

  • Sabbia.

Na Sabbia eu amei as mini cubas. São fantásticas para banheiros com pouquíssimos espaços. 

  • Laufen.

A Laufen trouxe uma linha de louças diferenciadas, assinadas por designers internacionais. 

2. Os lançamentos de revestimentos também estavam maravilhosos. 

Ainda continua como tendência, mas em menor proporção os revestimentos 3D e os porcelanatos que reproduzem madeira. Destaco nesta área as peças em grande formato (as pedras estão cada vez maiores. Eram enormeee...), os porcelanatos em tons cinzas, que lembram o cimento queimado, os porcelanatos que reproduzem o aço, uma estampa que lembra o granilite e revestimentos candy colors, principalmente na cor rosa. 

Portinari, Biancogrês, Portobello, Ceusa, Incepa, Lurca e Cedasa foram algumas marcas que visitei.

  • Ceusa.

O que mais me chamou atenção nos revestimentos da Ceusa foram as cores e as estampas. Foi o estande que o millenial pink mais predominou. Era um revestimento mais lindo do que o outro.  

  • Portobello.

Na Portobello também amei os revestimnetos candy colory. Encantadores!

  • Portinari. 

A Portinhari dividiu seu estande em 04 partes: o espaço do escritor, o espaço do pianista, o espaço da bailarina e o espaço do pintor.

Os seus lançamentos eram malavilhosos. A coleção Tavola é perfeita. Só dava para perceber que não era madeira, e sim, porcelanato, se você chegasse bem próximo.

O painel Carmen e seu colorido era de tirar o fôlego. Por fim, destacaria a coleção Alegro.As cores dessa coleção eram de enlouquecer. Lindo!!

Coleção távola
Coleção távola
  • Biancogrês.

O que mais me chamou atenção na Biancogrês foi o porcelanato pratico. A proposta é a de que o porcelanto seja colocado sem a utilização de argamassa, rejunte, etc. Apenas, umas gotas de silicone nas primeiras peças e o resto vai encaixando como quebra cabeça. A ideia é bem legal. Mas, será que as pessoas vão comprar a ideia? Isso, será cenas dos próximos capítulos. Vamos aguardar...

  • Lurca

A Lurca era um estande pequeno, como as estampas de cerâmicas mais lindas e encantadoras da feira. Uma graça!!

3. Faça você mesmo.

Na linha faça você mesmo. Além do porcelato da Biancogrês. Duas empresas me chamaram bastante atenção. A primeira foi a MLab Decor com os acabamentos Plic adesivados. e a outra foi a Pertech com as placas adesivadas. 

São excelentes para mudar o visual rápido, sem gerar entulhos e super apropriados para imóveis alugados. 

MLab Decor
MLab Decor
MLab Decor
MLab Decor
MLab Decor
MLab Decor

4. Pisos laminados.

A Eucatex trouxe o piso laminado com 45 cm de largura e com a opção de utiliza-la no revestimento de parede. O que é excelente para esconder a fiação indesejada. 

5. Vinílicos.

Não tem como falar de vinílico sem falar de Tarket. A marca levou para feira uma enorme variedade de texturas e diversas maneiras de composição entre elas. Outra coisa legal foi o uso do vinílico naõ só no piso, mas também na parede, porta e teto.

Vinílico na parede e porta
Vinílico na parede e porta

6. MDF.

Nesta linha de produtos, a novidade é que a Masisa agora é Arauco. Na feira eles lançaram o mdf que já vem na cor para ser utilizado. Não precisa ser revestido. 

7. Cimentício.

A Castellato levou diversos lançamentos para a feira, um mais lindo do que o outro.  Eu destaco a linha Shou Sugi Ban. É um cimentício que aparenta madeira queimada. A linha foi inspirada na técnica japonesa de trabalho em madeira. 

8. Pastilha.

Para quem achou que pastilha está fora de moda e não estaria na Expo Revestir, se enganou. A Atlas trouxe vários lançamentos de pastilhas. Uma mais linda do que a outra.  

Vixe!! O texto ficou enorme. O que não costuma ocorrer por aqui. Mas, é impossível falar da feira em poucas palavras. São muitas marcas, muitos lançamentos, muita coisa interessante. Inviável falar de tudo. Mas, aí esta o que mais me chamou atenção. 


Aline Soares.