SÉRGIO RODRIGUES

04/11/2016

Nascido no Rio de Janeiro em 1927, formou-se em arquitetura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, em 1952.

Iniciou seu trabalho na arquitetura no projeto do Centro Cívico de Curitiba, junto com David Azambuja, Flávio Régis do Nascimento e Olavo Redig de Campos. Mas, seu destaque não ocorreu na arquitetura, e sim, na criação de mobiliário.

Seu destaque no design de mobiliário foi tão grande, que ele foi apelidado como o pai dos móveis brasileiros. 

Em 1955, fundou a OCA, que ele mesmo definiu como um "laboratório de móveis e artesanato brasileiro". Por duas décadas, a empresa foi referência de móvel moderno no Brasil.  

Sérgio Rodrigues transformou totalmente a linguagem do móvel, destacando-se o uso de madeira nativa, tais como o jacarandá, peroba e imbuia.

Criou uma variedade de produtos, destacando-se a poltrona Mole (1957). Fabricada em jacarandá e couro, possui o seu estofado encaixadas nas tiras de couro. Atualmente, a poltrona Mole integra o acervo do Museu de Arte Moderna (Nova Iorque) (MoMA).

Veja mais criações de Sérgio Rodrigues: 

Poltrona Diz, lançada em 2001. 

Poltrona Paraty, concebida para o átrio do Palácio Itamaraty de Brasília. 

Poltrona Chifruda, criada em 1962. Esta poltrona fez tanto sucesso, que já foi reeditada diversas vezes. 

Mesa Jua, criada em 2004. 

"A arquitetura em que o planejamento do espaço interno não foi estudado adequadamente não é arquitetura, é escultura ."

Sérgio Rodrigues

Por Aline Soares.

*As imagens utilizadas no post não são autorais, todas foram retiradas do google imagem. Caso esteja usando alguma foto sua, por gentileza, entre em contato, para que seja atribuído os devidos créditos.